FANDOM


Star-wars-the-force-unleashed-20080715065152294

Darth Vader provavelmente usando A Força para arremessar algo ou alguem.

A Força foi uma energia onipresente, cuja compreensão, domínio e harmonização era o propósito das ordens monásticas Jedi e Sith.





DefiniçãoEditar

A Força é um campo de energia gerado por todas as coisas vivas, ela cerca e penetra tudo, unindo a galáxia. Existem dois lados da Força: paz, serenidade e conhecimento formam o lado luminoso da Força enquanto o Lado Negro da Força ou Lado escuro é consistido pela agressão, raiva e medo. O universo é um lugar de equilíbrio: vida e morte, criação e destruição, amor e ódio. Assim sendo, ambos os lados da Força fazem parte da ordem natural.

Existem alguns seres que são ligados a Força. Mesmo que eles não possam entendê-la, a Força flui dentro deles. Aqueles sensíveis à Força são capazes de aprender a manipular sua energia. Os Jedi se enquadram nessa categoria, usando seu conhecimento para obter os poderes através da Força. Mas eles não são os únicos a poderem fazê-lo.

As Filosofias da ForçaEditar

Filosofia JediEditar

Não há emoção; há paz.
Não há ignorância; há conhecimento.
Não há paixão; há serenidade.
Não há caos; há harmonia.
Não há morte; há a Força.

Filosofia SithEditar

Paz é uma mentira, só importa a emoção.
Com a emoção, ganho força.
Com a força, ganho poder.
Com poder, ganho vitórias.
Com as vitórias, minhas cadeias se rompem.
A força me libertará.

O Lado Luminoso da ForçaEditar

O lado luminoso da Força, também vulgarmente conhecido como Ashla ou simplesmente a Força, era o lado da Força alinhado com honestidade, compaixão, misericórdia, auto-sacrifício, e outras emoções positivas. Para a maior parte, os Jedi simplesmente se referem a este como a Força.


DefiniçãoEditar

O maior grupo de defensores e professores do lado da luz foi a Ordem Jedi, que se esforçou para manter a paz e a justiça em toda a galáxia. Os Jedi estavam bem conscientes dos perigos do lado negro da Força e foram dedicados adversários de seu uso, pois ele representa a corrupção e um desrespeito pela ordem natural do universo. O lado negro foi considerado o domínio dos Sith, a quem os Jedi tentaram destruir a fim de manter a Força em equilíbrio. A Força desempenhou um grande papel no uso de um Sabre de Luz pelos Jedi, e dando-lhes a capacidade de prever eventos no futuro, dando a impressão de conscientização e reflexos incrivelmente rápidos que os impedia de se ferir acidentalmente em combate e permitindo-lhes realizar outros feitos, como usar um sabre de luz para desviar de tiros de blaster. Um Jedi poderia usar a Força para ajudar na construção de seu sabre de luz, tanto para montar suas peças e componentes intrincados e, inicialmente, para carregar sua célula de energia.

Com a experiência, há uma série aparentemente infinita de coisas que um Jedi poderia conseguir através da utilização do lado da luz. Isto não só se aplica aos Jedi, é claro, mas na verdade, qualquer sensitivo à Força. Os Jedi usaram seus poderes para ganhar maior conhecimento, em contraste com os seus antigos inimigos, os Sith. Considerando que os Sith usariam seus poderes para tentar governar a galáxia, os Jedi poderiam usar seu poder para lutar em sua defesa e para guiar sua direção, embora estas diferenças nem sempre pareciam tão claras.


Natureza do lado luminoso
Editar

O lado luminoso da Força é alinhado com a felicidade, alegria, amor e benevolência, que alguns acreditam que alimenta o lado da luz e fornece uma visão sobre seus usos éticos. Eram geralmente preocupados com as idéias de generosidade, bem, cura, e sabedoria, ao contrário de mal, maldade, e o julgamento precipitado. A fim de alcançar a harmonia com o lado luminoso da Força, seus praticantes muitas vezes meditam para limpar-se das emoções, particularmente emoções negativas, tais como agressão, raiva e ódio, uma vez que estas foram mostradas abrindo a possibilidade de aceitação do lado negro para um Jedi.

Curiosamente, e apesar das contradições óbvias, o lado luminoso era tratado como sendo tanto uma entidade semi-inteligente, com intenções definidas e uma essência senciente do bem. Se a visão era abraçada parecia ter sido uma decisão pessoal. Segundo a interpretação auto-consciente, o lado luminoso foi acreditado influenciar ativamente os acontecimentos na medida em que alguns Jedi se consideravam meros "instrumentos" da Força. Embora isso implicasse uma falta de escolha sobre o destino de um indivíduo, os Jedi, como principais proponentes do lado luminoso, insistiram que eram, sim, "o ser definitivamente livre". Isso eles explicavam como sendo devido a Força (pelo menos do lado luminoso) não obrigar ninguém a nada. Um destino pode ser aceito ou rejeitado. E todas as escolhas ao longo do caminho eram livres para se fazer.

Desde que Ashla era também o nome da Força em si, antes de se referir apenas ao lado luminoso, isso poderia significar que o lado luminoso é também a natureza "normal" da Força. Essa visão não era compartilhada pelos seguidores Potentium que, de acordo com a ortodoxia Jedi (que rotula uma má interpretação) afirmou que desde que a Força era inerentemente boa, o lado escuro não era mau.


Poderes e técnicas conhecidos do lado luminoso
Editar

O lado luminoso da Força é geralmente mais difícil de se usar do que o lado escuro, devido ao fato que os poderes da Força do lado negro são todos agressivos e facilmente alimentados por raiva ou ódio. Estes usuários do lado negro avançam mais rápido, mas não eram inerentemente mais poderosos do que os do lado da luz. Habilidades do lado luminoso da Força são praticamente todas defensivas e passivas na natureza. Embora existam habilidades do lado da luz para aumentar as forças ou coragem, ou incapacitar um inimigo, nenhuma delas é realmente agressiva (com as notáveis ​​exceções de Julgamento Elétrico, Corte da Força, e Combustão).


O Lado Luminoso da Força nos Jogos The Force UnleashedEditar

Depois que Darth Vader "trai" Galen Marek, Galen começa a usar mais o lado luminoso da força, principalmente por Rahm Kota ter se tornado depois, mestre de Starkiller. Um exemplo de uma habilidade lado da luz é o Jedi Mind Trick.

O Lado Escuro da ForçaEditar

O 'Lado Escuro da Força' ou 'Lado Sombrio da Força' ou ainda 'Lado Negro da Força', chamado de 'Bogan' ou de 'Boga' pelos antigos Jedi, era o instrumento principal dos Lordes Sith, e o maior inimigo da Ordem Jedi. Diferente do Lado Luminoso da Força, seu poder vem das emoções negativas e fortes. Era associado com morte e destruição. O Lado sombrio da Força, seduziu muitos Jedi, como Anakin Skywalker, que passou a ser conhecido como Darth Vader, e Jacen Solo, que passou a ser conhecido como Darth Caedus. O Lado sombrio é temido pelos Jedi desde tempos remotos. Os padawans são sempre alertados pelos seu Mestre Jedi de que eles devem evitar os sentimentos sombrios, como raiva, medo, frustração, inveja e principalmente (o sentimento que é tido como o "combustível" de quem é adepto ao lado negro) o ódio. Muito frequentemente, os Sith tentam seduzir Jedi com menos experiência porém com grande potencial para o lado sombrio. Alguns poderes do lado sombrio têm caráter sobrenatural.

O lado negro é um aspecto da força. Os primeiros á usa-lo foram os antigos Rakatan, uma espécie de Alien que conquistou parte da galáxia por volta de 30.000 ABY. No entanto, o reinado dos Rakatan terminou quando estes perderam sua conexão com a força.

O lado negro afeta não apenas a mente, mas também a aparência dos seus usuários. Quanto mais fundo o individuo avança no lado negro, mas o lado negro afeta sua aparência. Muitos seguidores do lado negro experimentaram uma mudança na pigmentação de seu olhos. Como o olho de Jacen Solo, que após se tornar Darth Caedus, foi de castanho-escuro á amarelo. O cabelo também perde a cor, e a voz também seria alterada, se tornando cada vez mais arrastada e cruel, e as veias se põem a mostra.

Estes efeitos geralmente ocorrem de acordo com o tempo e a imersão no Lado Negro da Força, e não iriam afetar imediatamente a aparência do sujeito. Darth Tyranus, por exemplo, não sofreu nenhum desses efeitos durante seu tempo como seguidor do lado negro. No entanto, Galen Marek não sofreu nenhuma dessas alterações no corpo e praticou o lado negro da força praticamente a vida inteira.


O Lado Escuro da Força nos Jogos The Force UnleashedEditar

No início de Star Wars The Force Unleashed, Galen Marek é um praticante do lado escuro. O uso da força escura por Marek, fez com que tivesse uma característica má e que tivesse vontade de matar tudo o que vê.

A Força Nos BastidoresEditar

Embora fictícia, a Força contém muitas semelhanças com princípios filosóficos e religiosos existentes. O conceito pode ser devido à força ódica do Barão Karl von Reichenbach. Muitos a relacionam aos conceitos de Qi, Prana (Índia), Mana (Polinésia) e outras tradições semelhantes que focalizam em torno da idéia de uma energia espiritual existente dentro do universo. Com o Taoísmo, o foco primário de Star Wars origina na idéia de Yin e Yang — as duas forças que mantém o universo em equilíbrio. Tudo do bem e mal (como conceitos metafísicos) até temperaturas quentes e frias são consideradas como parte disto, e é daqui que vemos a comparação mais proeminente aos lados claro e escuro da Força de Star Wars. Mas, deve ser notado também, que ela é mais semelhante a filosofia taoísta com menor dicotomia e com mais de um necessidade de equilíbrio (visto na filosofia do balanceamento da Força). O modo de Jedi de serenidade e paz é muito parecida como as virtudes pregada nos cinco pilares do Islamismo. Isto também é refletido no Templo Jedi que consiste em cinco pináculos, ou pilares.

FontesEditar


Em Outras Línguas

Inglês

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.